Home Cursos e Concursos Português para concurso e seus níveis de exigência

Português para concurso e seus níveis de exigência

1260
0
Compartilhe
Os 10 maiores inimigos do concurseiro
Os 10 maiores inimigos do concurseiro

Esta é a disciplina que estudamos a vida inteira e que cai em todo concurso público. Sim, estamos falando da Língua Portuguesa. Apesar da onipresença e da importância do Português para concurso nas provas14, ainda tem muito candidato receoso quanto ao nível de exigência das bancas. Por que será?

Graus de dificuldade de Português para concurso

Em geral, o grau de dificuldade das questões é determinado conforme o tipo de vaga que a pessoa esteja disputando. Um concurso para cargo de Nível Médio provavelmente será mais fácil que um certame de Nível Superior.

O conteúdo programático é outro fator que pesa bastante. Regência, concordância, crase, pontuação e colocação de pronomes, por exemplo, são temas recorrentes em processos seletivos. Se o indivíduo tinha problemas para entender a matéria na escola, talvez demore um pouco mais para captar os macetes da língua na vida adulta.

Porém, o maior desafio relacionado a Português para concurso público é a falta do hábito de leitura entre os candidatos. Faz tempo que as entidades examinadoras têm deixado de lado a decoreba. Em vez de cobrar regras gramaticais, elas esperam que a pessoa domine a interpretação de textos.

Não é raro encontrar enunciados longos, com trechos retirados de obras literárias, ou mesmo de documentos técnicos. Nesses casos, é preciso controlar a pressa. Deve-se ler tudo com atenção, compreender o texto e relacionar ideias. É assim que se chega ao resultado correto.

Agora, responda com sinceridade: quantos livros você lê por mês? Quando está no intervalo do trabalho, ou no ônibus a caminho de casa, prefere mergulhar nas páginas de uma história ou conferir as atualizações das redes sociais?

Eis o segredo. Apenas lendo com frequência é que a gente consegue melhorar a interpretação textual.

Claro que conhecer a gramática normativa também é necessário – até porque utilizamos um português muito informal no dia a dia, diferente do que se espera no serviço público. No entanto, você pode decorar as regras de cabo a rabo e, ainda assim, sem a prática da leitura, fica difícil absorver a teoria.

Como superar os níveis de exigência de Língua Portuguesa

Já deu para entender que grau de dificuldade não diz respeito apenas à escolaridade da pessoa, né? O que importa é a intimidade que cada um tem com nossa língua-mãe. Portanto, aqui vão algumas dicas para você se familiarizar ainda mais com o Português formal exigido em concursos públicos.

  1. Leia bons livros

A literatura, tanto a clássica quanto a contemporânea, funciona como uma ótima válvula de escape. Além de relaxar nos momentos de folga, você exercita o poder de atenção, estimula a imaginação e habitua-se a construções frasais mais elaboradas. Todas essas competências serão importantes na hora da prova.

  1. Conheça a banca

Estudar a partir de exames anteriores é uma ótima tática para melhorar o desempenho em Língua Portuguesa. Você se acostuma ao estilo da banca, o que diminui o medo quanto ao nível de exigência do certame.

  1. Matricule-se num curso preparatório

Para uma preparação ainda mais focada, busque ajuda de especialistas. Por exemplo, neste curso on-line, você tem acesso a 112 videoaulas superdinâmicas, onde resolvemos 500 questões de Português das provas da FGV. Tire suas dúvidas com o professor Andresan e fique cada vez mais perto da aprovação.

Esperamos que as dicas de hoje sejam úteis. Bons estudos!

Cadastre-se e receba nossa Newsletter

Gostou do conteúdo? Inscreva-se na nossa newsletter.