Home Cursos e Concursos Ansiedade antes da prova: 5 dicas para driblá-la

Ansiedade antes da prova: 5 dicas para driblá-la

286
0
Compartilhe

Conforme o dia do concurso se aproxima, é inevitável que os ânimos se alterem. Tem gente que fica empolgada, perde o sono ou demonstra medo de dar “branco” na hora da prova. Seja qual for o seu caso, não adianta sofrer por antecipação: é preciso diminuir a ansiedade e reforçar ainda mais o foco nos seus objetivos.

Mais fácil falar que fazer, obviamente. Ainda assim, as dicas de hoje podem ajudar você a driblar o nervosismo. Acompanhe!

Como diminuir a ansiedade até o dia da prova

Controlar a ansiedade deve ser um exercício diário. Claro que o concurso gera expectativas, mas você não pode deixar que esse sentimento lhe paralise. Portanto, quanto mais cedo sua preparação começar, melhores serão as chances de chegar ao “dia D” com a cabeça fria. Veja as sugestões:

Respire

Exercícios de respiração e meditação contribuem bastante para limpar a mente das ideias ruins. A ideia, aqui, é estimular o cérebro a pensar em uma coisa de cada vez. Dessa forma, você vive o momento presente e para de sofrer por um futuro que ainda nem chegou.

Não precisa acender incenso nem virar zen budista. Existem aplicativos de celular com programas específicos para quem está começando. Cinco minutos de meditação por dia farão maravilhas pelo seu bem-estar.

Organize-se

Quem já está na lida concurseira há um tempo conhece a importância do plano de estudos. Esse cronograma diário serve para quebrar o objetivo principal – a aprovação – em metas menores, mais factíveis. A cada etapa cumprida, você sente que progrediu mais um passo no caminho para o serviço público.

De novo, trata-se de viver um dia de cada vez. E a organização fica ainda mais importante nas semanas que antecedem a realização do certame. Reserve esse tempo para as revisões de conteúdo.

Durma

Uma boa noite de sono contribui para restaurar as energias do corpo. Mas não é só isso. Quem dorme pouco sofre de irritabilidade e tem problemas de memória. Ou seja: passar madrugadas em claro, lendo apostilas ou resolvendo simulados, não fará bem para seu desempenho.

Se a insônia bater, volte à dica 1. Técnicas de respiração profunda são excelentes para relaxar os músculos, diminuir a pressão arterial e, com isso, criar um ambiente propício para o descanso.

Exercite-se

As atividades físicas também entram no pacote para diminuir a ansiedade. Musculação, caminhada ou dança liberam endorfinas, substâncias naturais com alto poder analgésico. Você vai se sentir bem mais leve depois do treino.

Atenção: procure ir à academia pela manhã ou à tarde. O organismo precisa de um tempo após a atividade para desacelerar. Logo, exercícios noturnos podem comprometer o seu sono.

Compartilhe

Esteja perto das pessoas amadas. Elas poderão lhe dar apoio emocional nesses dias tão tensos. Claro que não recomendamos que você vire a noite na balada com os amigos. Prefira um cineminha, um almoço ou um passeio no parque. Os momentos de distração funcionam como um “respiro” entre uma sessão de estudos e outra.

Se nada disso der certo, procure ajuda profissional. Talvez sua ansiedade seja patológica e demande um tratamento mais sério.

Gostou das nossas dicas para driblar a ansiedade? Será que elas vão dar certo? Deixe sua opinião nos comentários! E não se esqueça de acompanhar as novidades sobre concurso público que nós sempre publicamos aqui no blog. Até a próxima!

 

Cadastre-se e receba nossa Newsletter

Gostou do conteúdo? Inscreva-se na nossa newsletter.