Home Cursos e Concursos TJ/RS 2018: Cresce expectativa para concurso de Oficial de Justiça

TJ/RS 2018: Cresce expectativa para concurso de Oficial de Justiça

2200
0
Compartilhe

Concurseiros à procura de oportunidades para Nível Médio devem ficar atentos ao Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. Tudo indica que a seleção para Oficial de Justiça – classe O aconteça ainda em 2018.

O certame foi autorizado no Diário Oficial de Justiça Eletrônico do último dia 04 de agosto. O texto anuncia a criação de dez vagas para a categoria, mediante aval da Assembleia Legislativa do Estado. Porém, a assessoria do TJ/RS afirmou, em entrevista ao site Folha Dirigida, que atualmente há apenas dois cargos a serem preenchidos.

De todo modo, a expectativa pelas provas é grande. O servidor que atuar nessa função receberá remuneração mensal de R$ 9.305,55. Vale o esforço, não é mesmo?

TJ/RS já realizou concurso em 2018

Não será o primeiro concurso do TJ/RS em 2018. Em junho, o órgão realizou seleção para cargos da área de informática. As vagas abertas foram para analista de sistemas, analista de suporte, administrador de banco de dados e programador e técnico em eletrônica. Os salários iniciais chegavam a R$11.073,34.

Evidentemente, esses postos de trabalho demandavam conhecimentos avançados em linguagens de programação e outras questões técnicas. Não é o caso do certame para Oficial de Justiça. Com base nas questões da última prova para a classe O, ocorrida em 2009, as competências exigidas dos candidatos serão Língua Portuguesa, Conhecimentos Específicos e Legislação.

As perguntas de Português costumam envolver ortografia, morfologia, sintaxe e interpretação textual. As específicas tratam de atos, diligências e outros procedimentos pertinentes à função de OJ. Já os tópicos legislativos abrangem Constitucional, Organização Judiciária, Cível e Criminal.

O que faz um oficial de justiça do TJ/RS?

O oficial de justiça garante que as sessões de julgamento do TJ/RS ocorram sem contratempos. Cabe a esse servidor preparar as salas, organizar os processos e fornecer informações necessárias aos presentes.

O profissional também ajuda a manter a ordem durante os encontros. Além disso, pode, inclusive, cumprir mandados judiciais e efetuar prisões, quando for necessário.

A jornada de trabalho de um OJ – classe O é de 40 horas semanais. Pode haver eventuais plantões fora do horário de expediente.

Como se preparar para o concurso do TJ/RS

Todas as informações oficiais relativas ao concurso poderão ser encontradas no edital. O documento ainda não foi divulgado, mas você já pode dar início à preparação mesmo assim. Dessa forma, haverá mais tempo para assimilar o conteúdo, realizar simulados e revisar a matéria.

O curso extensivo a distância para o concurso do TJ/RS oferece uma formação completa. Você tem acesso a professores qualificados, que ministram aulas direcionadas aos tópicos mais cobrados nas provas.

Assista aos encontros à noite, no conforto de casa. É a solução ideal para quem trabalha durante o dia ou tem dificuldade para enfrentar trânsito até o cursinho.

Em paralelo, não se esqueça de montar uma rotina de estudos regrada. Reserve um tempo para a leitura das apostilas e para os exercícios práticos. Por fim, tire uns minutos para o lazer, incluindo atividades artísticas ou técnicas de meditação. Seu rendimento aumentará ainda mais.

Conte com a experiência do Andresan – Cursos & Concursos. Nossa ajuda deixará você a um passo da aprovação no concurso do TJ/RS.

Cadastre-se e receba nossa Newsletter

Gostou do conteúdo? Inscreva-se na nossa newsletter.