Home Dicas de Estudo Aprenda a manter a concentração para facilitar os estudos

Aprenda a manter a concentração para facilitar os estudos

1027
0
Compartilhe

A falta de concentração pode ser uma das principais inimigas do concurseiro. Isso porque estudar não significa apenas ler apostilas. É preciso compreender o assunto tratado no texto, refletir sobre o conteúdo e encontrar soluções para os exercícios propostos. Ou seja, a mente deve estar focada na tarefa.

No post de hoje, vamos falar um pouco sobre como evitar distrações na preparação para um concurso público. São dicas simples, mas que às vezes custam a ser postas em prática. Por isso, lembre-se de que o esforço de agora será compensado com a aprovação de amanhã.

Organização garante mais concentração nos estudos

Os especialistas em produtividade afirmam que, para você realizar mais ações em menos tempo, deve adotar uma rotina padronizada. Esses rituais cotidianos servem para acostumar o corpo a determinada tarefa, de modo que não se gaste energia à toa.

Por exemplo: digamos que você dedique duas horas por dia aos estudos. Se, nesse tempo, tiver que procurar livros e cadernos espalhados pela casa, haverá um esforço desnecessário – e uma perda de minutos preciosos.

Portanto, a primeira dica para aumentar a concentração é criar um ambiente organizado. Deixe apostilas, blocos de anotações e todo o material didático sempre no mesmo canto. Monte uma área de trabalho confortável, também, com cadeira ergonômica e boa iluminação.

Redes sociais são uma ameaça à concentração

Depois de ajeitar o seu local de estudos, procure eliminar as distrações externas. O barulho está entre as principais. Tente instalar-se no cômodo mais silencioso da casa, ou vá até uma biblioteca.

Se o deslocamento não for possível e você morar numa zona barulhenta, experimente utilizar fones abafadores de ouvido. Uma playlist com músicas calmas, de preferência instrumentais, pode dar um gás na concentração. De acordo com a psicoacústica, a psicologia da percepção dos sons, as ondas sonoras estimulam a produção de noradrenalina, substância que controla a ansiedade.

Por fim, mantenha o celular desligado. As notificações das redes sociais são um forte gatilho para a perda de concentração. Você bagunça o próprio cérebro a cada vez que interrompe uma atividade intelectual para responder mensagens. Assim, fica difícil retomar o fio da meada.

Mindfulness colabora para diminuir distrações

Em busca da atenção plena como forma de diminuir o estresse e elevar a produtividade, muitos profissionais têm difundido uma técnica conhecida como mindfulness. Trata-se de uma espécie de meditação, mas sem mantras nem incensos. Tudo que você precisa fazer é respirar corretamente.

Sente-se em postura ereta, mantendo braços e pernas relaxados. Depois, feche os olhos, inspirando e expirando pausadamente. Sinta o ar inflando os pulmões e estufando o diafragma. Em seguida, perceba a respiração saindo pela boca e desinchando a barriga. Repita o procedimento durante alguns minutos.

Essa é apenas uma sugestão. Existem outros exercícios possíveis, que podem ser monitorados com aplicativos de celular (deixe o aparelho em modo avião para evitar alertas desnecessários, evidentemente). Estudos apontam que o mindfulness pode reduzir a pressão sanguínea, melhorar a densidade da massa cinzenta e fortificar o córtex cerebral.

Ou seja: seguindo as recomendações de hoje, você terá os recursos necessários para manter a concentração por mais tempo. Gostou? Quer outras dicas sobre preparação para concurso público? Então continue de olho no blog do Andresan – Cursos & Concursos.

Cadastre-se e receba nossa Newsletter

Gostou do conteúdo? Inscreva-se na nossa newsletter.