Home Dicas de Estudo Siga estas dicas e passe no exame da OAB

Siga estas dicas e passe no exame da OAB

1254
0
Compartilhe

Todo estudante de Direito sabe que passar no Exame de Ordem Unificado é obrigatório para exercer a advocacia. O resultado atesta que o bacharel adquiriu o conhecimento necessário para seguir na profissão. Ainda assim, a prova da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) gera ansiedade.

Muitos candidatos se apavoram com o suposto alto grau de dificuldade das questões. Para não fazer parte desse time, vale dedicar um tempinho à preparação para o grande dia –  mesmo que você tenha ido bem nas disciplinas da faculdade. Confira algumas dicas para tornar esse processo mais tranquilo.

5 dicas para passar no exame da OAB

O exame da OAB é dividido em duas etapas. Primeiro, tem a prova objetiva, com 80 questões de múltipla escolha. Nessa fase, os temas abordados versam sobre os principais assuntos discutidos no curso.

Você deverá estudar sobre Ética Profissional, Direitos Humanos, Filosofia do Direito, Estatuto da Criança e do Adolescente, Código de Defesa do Consumidor, Constituição e outras áreas específicas – Empresarial, Civil, Penal, Tributário, Ambiental, Administrativo, Internacional.

Quem tem pelo menos 50% de aproveitamento no certame passa para a segunda etapa, com quatro questões discursivas. Além delas, o bacharel também deve redigir uma peça profissional. Você pode escolher uma das áreas: Administrativo, Constitucional, Civil, Empresarial, Tributário, Trabalho ou Penal.

Parece bastante coisa, não é mesmo? Para tirar o peso desse conteúdo todo, o jeito é se organizar. Confira as dicas:

1.Tenha um cronograma de estudos

A própria OAB divulga as datas de aplicação do exame. São três ocasiões ao longo do ano. Com esse prazo à vista, você pode estabelecer um plano de estudos e ler um pouco da matéria a cada dia. Não se esqueça, também, de destinar períodos para as revisões.

2.Consulte as provas anteriores

Mais que saber os tópicos que caem no certame, é importante conhecer a forma como eles são abordados. A banca tem um estilo próprio de apresentar os enunciados. Estude com base nessas questões anteriores. É uma maneira de habituar-se à linguagem.

3.Redija peças processuais

Nem só de leitura vive um estudante. Como a segunda etapa do exame da OAB envolve a elaboração de uma peça, é bom ir exercitando a escrita, também. Aliás, nas questões discursivas, o poder de concisão e o respeito à norma culta da Língua Portuguesa valem tanto quanto o conhecimento técnico.

4.Matricule-se num curso preparatório

Contar com a ajuda de professores qualificados traz vantagens. Além de tirar dúvidas com os mestres, você terá uma turma, com encontros em horários fixos. Isso cria uma rotina sistematizada, impedindo a procrastinação. Ou seja: nada de acumular muito conteúdo para a reta final!

5. Abra espaço para o ócio

Não adianta sobrecarregar a cabeça com apostilas, simulados e anotações. Para estimular a memória e adquirir conhecimento, seu corpo precisa de pausas. Portanto, certifique-se de que o cronograma de estudos reserve tempo para as refeições, as atividades físicas e, claro, algum hobby divertido.

Esperamos que, com as nossas sugestões, você fique pronto para passar no exame de ordem da OAB! Bons estudos.

Cadastre-se e receba nossa Newsletter

Gostou do conteúdo? Inscreva-se na nossa newsletter.