Home Fique por dentro Tire 5 dúvidas sobre o concurso do TJ/RS

Tire 5 dúvidas sobre o concurso do TJ/RS

2520
0
Compartilhe

Você já concluiu o Ensino Médio e está procurando opções de concurso? Pois uma ótima alternativa é a prova para Oficial de Justiça – classe “O” do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ/RS). Essa pode ser sua chance de ingressar na carreira de servidor, conquistando estabilidade e contribuindo para o funcionamento da máquina pública.

Porém, caso você ainda esteja começando na vida de concurseiro, talvez tenha algumas dúvidas sobre esse certame. Por isso, continue a leitura e confira o material que preparamos! Vamos esclarecer os principais pontos sobre as exigências para o cargo.

1.Qual é o papel de um oficial de justiça?

O oficial de justiça garante que as sessões de julgamento ocorram sem contratempos. Cabe a esse profissional preparar as salas, organizar os processos e fornecer informações necessárias aos presentes.

O servidor também ajuda a manter a ordem durante os encontros. Além disso, pode, até mesmo, cumprir mandados judiciais e efetuar prisões, quando for preciso. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, com eventuais plantões fora do horário de expediente.

2.Quais questões caem na prova?

O último concurso para o TJ/RS ocorreu em 2009. Na época, a prova consistia em 70 questões de múltipla escolha. Elas foram divididas em três partes: Língua Portuguesa, Conhecimentos Específicos e Legislação. Era preciso acertar um número mínimo de questões para não ser eliminado.

Em processos assim, as perguntas de Português costumam envolver ortografia, morfologia, sintaxe e interpretação textual. As específicas tratam de atos, diligências e outros procedimentos pertinentes à função. Já os tópicos legislativos abrangem Constitucional, Organização Judiciária, Cível e Criminal.

3.Onde posso obter informações para o concurso do TJ/RS?

Todas as informações oficiais constarão no edital do certame, que ainda não foi divulgado. Esse documento lista as exigências mínimas para o preenchimento das vagas existentes, bem como as matérias que serão cobradas e as datas para inscrição e para realização da prova.

No entanto, você não precisa aguardar o lançamento do edital para começar a preparação. Quanto antes der início os estudos, mais chances terá de obter um bom desempenho no dia D.

4.Como posso me preparar para ser oficial de justiça?

A única maneira de assumir esse posto é passando no concurso. Portanto, não existe outra alternativa a não ser estudar. Reserve um tempo fixo do seu dia para a tarefa. Depois, organize um cronograma para as leituras e os exercícios.

Com o curso extensivo a distância para o concurso do TJ/RS, sua preparação fica ainda melhor. Assista às aulas quando e onde quiser, com o auxílio de uma excelente equipe de professores.

5.O que mais posso fazer para passar na prova?

O principal é manter a saúde. Não adianta meter a cara nas apostilas, mas descuidar-se de outros pontos importantes. O equilíbrio emocional proporciona serenidade aos candidatos, mesmo em situações de estresse. Uma dieta balanceada e a prática de atividades físicas também colaboram para que o organismo tenha energia durante o processo.

Lembre-se: passar num concurso público exige esforço, disciplina e, muitas vezes, tempo. Talvez você não seja aprovado logo de primeira, mas acumular experiência faz parte. Cada tropeço ao longo do caminho faz o gosto da vitória ser mais doce.

Que achou das dicas? Deixe um comentário!

Cadastre-se e receba nossa Newsletter

Gostou do conteúdo? Inscreva-se na nossa newsletter.