Home Fique por dentro Concurso da Polícia Federal deve preencher 500 novas vagas

Concurso da Polícia Federal deve preencher 500 novas vagas

1444
0
Compartilhe
Polícia Federal

O próximo concurso da Polícia Federal deve ocorrer ainda em 2018. Segundo o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, o governo confirmou a autorização de 500 novas vagas para suprir a demanda da corporação. As informações foram repassadas à imprensa durante entrevista coletiva, no dia 28 de fevereiro.

Ainda não há uma chamada oficial para o processo seletivo, mas você já pode ir se preparando. Continue conosco para saber detalhes sobre salário, jornada de trabalho e conhecimentos necessários para seguir carreira na PF.

Carreira na Polícia Federal

A previsão é que o certame selecione candidatos para os cargos de agente, delegado e perito da Polícia Federal. O número de posições abertas para cada categoria não foi confirmado.

A atividade de agente é a mais versátil. Cabe a esse servidor atuar em aeroportos, na emissão de passaportes ou na polícia de fronteiras. O profissional também pode executar investigações com o objetivo de prevenir crimes.

Para preencher esse posto, você deve ser formado em qualquer área do Ensino Superior. A partir de janeiro de 2019, a remuneração inicial será de R$ 12.980,50.

Peritos estão num nível hierárquico mais alto. Cabe a eles realizar análises científicas para obter as chamadas provas materiais dos atos ilícitos. Nesse caso, a formação superior deve ser em áreas específicas.

O mesmo vale para quem prestar concurso para delegado da PF. O postulante deve ser formado em Direito. No dia da posse, também precisará comprovar pelo menos três anos de experiência em atividade jurídica ou policial.  Tanto peritos quanto delegados partem de uma remuneração de R$ 24.150,74, considerando-se os valores de 2019.

Para todos as vagas da Polícia Federal, é necessário ter carteira de habilitação categoria B. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais. O efetivo pode atuar em qualquer estado do Brasil, conforme a necessidade. Geralmente, a demanda maior ocorre nas áreas de fronteira, nas regiões Norte e Centro-Oeste.

Como é o concurso da PF

A aplicação das provas costuma acontecer em todas as capitais brasileiras. O processo seletivo mais recente, organizado pelo Cespe/UnB, contou com 120 questões objetivas e uma redação de 30 linhas.

Na época, o conteúdo previsto no edital contemplou:

– Língua Portuguesa;

– Noções de Informática;

– Atualidades;

– Raciocínio Lógico;

– Noções de Contabilidade;

– Noções de Economia;

– Noções de Direito Penal;

– Noções de Direito Processual Penal;

– Noções de Direito Administrativo;

– Noções de Direito Constitucional;

– Legislação Especial.

Além dessa etapa classificatória, também há exame de aptidão física, exame médico e avaliação psicológica. Todos esses têm caráter eliminatório. Cabe lembrar que os candidatos passam, ainda, pela investigação social, que atesta idoneidade moral e ausência de antecedentes criminais.

Enquanto a chamada oficial para o concurso da PF 2018 não sai, você já pode estudar essas disciplinas, pois elas provavelmente serão cobradas novamente. O Andresan – Cursos & Concursos pode ajudá-lo. Contamos com aulas presenciais e a distância, ministradas por professores altamente capacitados.

Entre em contato conosco e saiba mais detalhes! A estabilidade financeira e a progressão de carreira no serviço público podem estar mais perto do que você imagina.

Cadastre-se e receba nossa Newsletter

Gostou do conteúdo? Inscreva-se na nossa newsletter.