Home Dicas de Estudo 10 erros que todo concurseiro deve evitar

10 erros que todo concurseiro deve evitar

2296
0
Compartilhe
Como estudar matemática e raciocínio lógico para concurso
Como estudar matemática e raciocínio lógico para concurso

A preparação para um processo seletivo pode ser pesada. São semanas de leituras, simulados e ânimos alterados. Porém, quantidade não significa qualidade. Esse é apenas um dos erros que todo concurseiro deve evitar.

Estudar para concursos não mede apenas a aptidão do candidato. Esse é um exercício de paciência, planejamento e concretização de objetivos. O segredo é pensar no longo prazo e não desanimar.

Se sua vida tem sido assim, confira abaixo dez armadilhas das quais fugir.

1.Aguardar a divulgação do edital

Caso você já tenha um cargo específico em mente, não há por que esperar pela publicação oficial. Procure editais passados e verifique quais foram as disciplinas exigidas. Desse modo, ganha-se mais tempo para desenvolver as habilidades.

2.Não ler o edital

Apesar da antecipação, também é importante verificar possíveis alterações nas regras do concurso. A banca atual pode exigir outros conhecimentos, ou mesmo uma titulação mínima para a vaga. Seria frustrante saber a matéria, mas não preencher os requisitos para a função.

3.Estudar sem foco

Mesmo que você não saiba exatamente qual área pretende seguir, deve ter um objetivo maior que guie sua rotina. A sugestão é estudar disciplinas genéricas e obrigatórias, como Língua Portuguesa e Direito Constitucional. Elas são comuns à maioria dos processos seletivos.

4.Não ter um plano de estudos

Organize seus horários e reserve um momento fixo do dia para os estudos. Elabore um cronograma para que você consiga passar por todos os temas da prova dentro do prazo. Acumular tudo para a última hora só gera estresse.

5.Confiar demais na leitura

Ler apostilas e decorar informações não é a maneira mais eficiente de se preparar. A prática é tão importante quanto a teoria. Isso significa realizar simulados e responder questões de exames anteriores. Assim, já dá para avaliar o próprio desempenho.

6.Não resumir

É um dos melhores métodos de memorização. Não se trata de decoreba, mas de raciocínio ativo em cima da lição do dia. Sintetizar o assunto, seja com palavras-chave ou com organogramas, ajuda a compreender, de fato, o que você leu.

7.Não revisar

Esse também é um truque precioso, pois a tendência é que o cérebro se esqueça do conteúdo estudado. De tempos em tempos, vale retomar os resumos que você mesmo elaborou. É ótimo para recordar-se das partes relevantes.

8.Estudar somente o que gosta

Encare as dificuldades não como um obstáculo, mas como um desafio. Se você não domina tão bem os comandos da informática ou as minúcias da legislação, essas áreas terão que receber atenção redobrada.

9.Estudar demais

Mesmo o carro mais veloz precisa de pausas para calibrar os pneus. O descanso é importante para “esfriar os motores” e voltar com força total. Destine sempre um dia da semana ao lazer.

10.Negligenciar o corpo

Intervalos ao longo da jornada são igualmente necessários. Quem passa horas sentado, em frente ao computador ou com a cara nos livros, exige demais dos olhos, da coluna e do cérebro. Inclua no seu plano de estudos os lanches e os exercícios laborais. Esgotamento físico e mental acaba com a produtividade.

Agora que você conhece os erros que o concurseiro deve evitar, seja sincero: sua preparação para as provas está indo bem? Deixe um comentário com sua opinião sobre as dicas de hoje! E aproveite para conferir outras novidades aqui no blog.

Cadastre-se e receba nossa Newsletter

Gostou do conteúdo? Inscreva-se na nossa newsletter.